Caminhoneiros retomam bloqueio em 2 rodovias de MT contra aumento de impostos sobre combustíveis

Caminhoneiros retomam bloqueio em 2 rodovias de MT contra aumento de impostos sobre combustíveis
bem informado

Grupo é contra o aumento do PIS/Cofins sobre os combustíveis, decretado recentemente pelo governo federal.

Caminhoneiros voltaram a bloquear na manhã desta quarta-feira (2) um trecho da BR-163 em Sorriso, a 420 km de Cuiabá, e um trecho da BR-070, em Barra do Garças, a 516 km da capital. Segundo a Rota do Oeste, concessionária que administra a rodovia, o grupo na BR-163 é o mesmo que protestou na terça-feira (1º) contra o aumento do PIS/Cofins sobre os combustíveis, decretado recentemente pelo governo federal. Não há informações do número de manifestantes nos dois trechos.
De acordo com a concessionária, o bloqueio ocorre no km 747 da BR-163. O protesto começou no início do dia na terça-feira e foi suspenso por volta de 19h [horário de Mato Grosso]. Os caminhoneiros voltaram a interditar os dois sentidos da rodovia por volta de 6h20, conforme informou a empresa.

Os caminhoneiros impedem a passagem de veículos pesados. Os veículos pesados transportando carga viva e produtos perecíveis têm passagem liberada, assim como os outros tipos de veículos, além de carros oficiais e ambulâncias. A fila de congestionamento no local chega a 1 km.
Combustível
No último dia 20, o governo anunciou um decreto aumentando a alíquota do PIS e Cofins sobre os combustíveis. A tributação sobre a gasolina subiu R$ 0,41 por litro; a do diesel, R$ 0,21; e a do etanol, R$ 0,20 por litro.
O decreto chegou a ser suspenso por decisão de um juiz da 20ª Vara Federal de Brasília em 25 de julho. A Advocacia Geral da União recorreu e, no dia seguinte, o Tribunal Regional Federal (TRF-1) anulou a decisão que suspendia o aumento.

Fonte: G1