Após sete meses no IML corpo de mulher assassinada é liberado para familiares

Após sete meses no IML corpo de mulher assassinada é liberado para familiares
bem informado

O sepultamento ocorreu no Cemitério Municipal por volta das 11h de quarta-feira (09-11).

O corpo da mulher Roseli Ribeiro de Melo, 44 anos, estava no Instituto Médico Legal à cerca de sete meses, após ser assassinada e encontrava em fase de decomposição em uma rodovia que liga Sinop ao município de Juara em fevereiro deste ano e foi liberada na última quarta-feira (09-11) e transladada para Guarantã do Norte onde residem familiares. 

Roseli ficou desaparecida há 55 dias e foi localizada morta, duas mulheres acusadas em cometer o crime confessaram toda ação, disseram em depoimento que matou ela há pauladas e a golpes de faca e ainda relataram que jogaram soda caustica no corpo da vítima. As mulheres continuam presas e estão respondendo pelo crime triplamente qualificado, por motivo fútil. 

 

A vítima era ex-moradora de Guarantã do Norte e na época do crime ela estava residindo em Sinop, e foi sepultada no Cemitério Municipal por volta das 11h de quarta-feira (09-11).

Fonte: Olhar Cidade